Celso Roth decide manter esquema

A história é sempre a mesma no futebol brasileiro. Quando surgem as dificuldades, o comandante, mesmo defensivista por convicção, é obrigado a recorrer aos jogadores mais habilidosos do time. No Palmeiras, o técnico Celso Roth armou um esquema tático muito em função do lateral-esquerdo Felipe, um jogador leve, de dribles desconcertantes que, mesmo sem condições físicas ideais, pode salvar o time em uma jogada individual e livrá-lo da incômoda penúltima colocação no Campeonato Paulista.Domingo, o Palmeiras enfrenta a União Barbarense em Santa Bárbara D´Oeste e, no treinamento de hoje, na Academia, o técnico manteve o esquema 3-5-2 utilizado na vitória por 4 a 1 sobre o Sport Boys, pela Libertadores, admitindo que um dos motivos que o levaram a isso foi dar mais liberdade para Felipe avançar. Para isso, com três zagueiros no miolo da defesa, mais dois volantes fixos, o sistema de cobertura ficará mais fortalecido.Na opinião de Felipe, o esquema facilitou suas atribuições em campo. "Acho que não foi só por minha causa, mas pelo menos pude ir ao ataque mais tranqüilo e não me desgastar tanto", ressaltou o jogador. Segundo ele, o técnico também pensou em facilitar as subidas do lateral-direito Taddei, que não é especialista na posição, além de dar mais liberdade aos meias Lopes e Alex, criativos por natureza.O jogador, contratado do Vasco por empréstimo até agosto, destacou que ainda está longe de sua condição física ideal. Ele adiantou que irá pedir um treinamento específico para o preparador-físico Carlos Pacheco a partir da próxima semana, quando o Palmeiras terá tempo para treinar. "Se não vai demorar para eu entrar em forma", observou.Para o técnico Celso Roth, a equipe vive agora um momento de sacrifício. Por isso, ele cobrou muito dos jogadores no treino, mesmo com o grupo tendo chegado a São Paulo na madrugada desta sexta-feira. Segundo ele, as circunstâncias exigem isso. "Estamos mal no Paulista e temos de reverter, pensando até em uma classificação. Se temos chances matemáticas, vamos tentar buscar", afirmou.Já o goleiro Marcos foi a baixa da equipe hoje. Ele se contundiu no quinto dedo da mão direita, após cortar um cruzamento e passou a ser dúvida para a partida de domingo. O médico Marcelo Saragiotto suspeita até de uma fratura, mas preferiu apenas falar se o goleiro terá condições de jogo após uma radiografia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.