Divulgação
Divulgação

Ceni treina mais uma vez, mas segue como dúvida para despedida

Goleiro do São Paulo ainda não está garantido contra o Goiás

Estadão Conteúdo

03 de dezembro de 2015 | 14h53

A lesão de Rogério Ceni evoluiu positivamente nos últimos dias, ele voltou a participar de treinamentos, mas ainda não está confirmado no São Paulo para a partida com o Goiás no fim de semana, pelo Campeonato Brasileiro. O goleiro participou de parte da atividade desta quinta-feira no CT da Barra Funda, mas só saberá se está confirmado para o confronto de domingo, no Serra Dourada, nos próximos dias.

Rogério ainda se recupera de uma lesão sofrida no clássico com o Santos, no dia 28 de outubro. Naquele duelo, ele sofreu uma ruptura do ligamento tíbio-fibular do pé direito. Desde então vem se esforçando para voltar ao time e cumprir seus últimos jogos como profissional. Aos 42 anos, o goleiro vai se aposentar ao fim desta temporada.

Ele deveria, aliás, ter se despedido da torcida no confronto do último sábado contra o Figueirense, mas não se recuperou a tempo. Assim, a expectativa é que ele possa voltar a tempo de enfrentar o Goiás para fazer sua despedida de jogos oficiais, já que tem um amistoso festivo marcado para o dia 11 de dezembro.

Ao contrário da quarta, quando trabalhou afastado do elenco, Ceni treinou ao lado dos outros goleiros normalmente nesta quinta. Saltou e mostrou desenvoltura. Mas depois, durante o trabalho em campo reduzido comandado por Milton Cruz, ficou no banco de reservas. Por isso, sua participação no fim de semana continua uma incógnita.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.