Cerezo Osaka rejeita renovar e Diego Forlan fica livre no mercado

Melhor jogador da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, Diego Forlan está desempregado. Neste sábado, o Cerezo Osaka, que joga a segunda divisão do Campeonato Japonês, anunciou que não vai renovar o contrato do uruguaio, que vence em julho. O craque recebe cerca de US$ 5,8 milhões por ano no Japão.

Estadão Conteúdo

06 de junho de 2015 | 13h29

O uruguaio foi contratado no início de 2014, depois de jogar por um ano e meio no Internacional de Porto Alegre. Logo na primeira temporada com Forlan no elenco, entretanto, o Cerezo Osaka foi rebaixado para a segunda divisão japonesa.

O uruguaio, que jogou por Manchester United, Inter de Milão e Atlético de Madrid, permaneceu no clube para a disputa da segunda divisão da J-League. Após 17 jogos, ele é o artilheiro do torneio, com 10 gols, mas o time ocupa apenas o nono lugar, fora da zona de classificação para os playoffs.

Aos 36 anos, Forlan não vai disputar a Copa América, que começa na próxima quinta-feira, porque em março passado anunciou sua aposentadoria da seleção uruguaia. Recordista, jogou 112 vezes pelo Uruguai. É ainda o segundo maior artilheiro da equipe, atrás apenas de Luis Suárez.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.