Daniel Teixeira/AE
Daniel Teixeira/AE

César Sampaio critica pessimismo e dá apoio a Felipão no Palmeiras

Gerente de futebol defende técnico e sua comissão e demonstra apoio ao elenco

DANIEL BATISTA, Agência Estado

10 de setembro de 2012 | 18h50

SÃO PAULO - O gerente de futebol do Palmeiras, Cesar Sampaio, veio a público nesta segunda-feira para defender Luiz Felipe Scolari e a comissão técnica e demonstrar apoio ao elenco do time, ameaçado de rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

"Enquanto houver esperanças, vamos lutar. O problema não é a comissão técnica. Algumas coisas aconteceram e estamos tentando solucionar. A mesma comissão técnica que conhece o grupo e que foi campeã agora vive esse momento adverso", minimizou o dirigente, sem citar os problemas enfrentados pela comissão técnica.

Sampaio admitiu que a moral do elenco está abalado, em função dos últimos resultados. Mas disse confiar na reação da equipe. "O grupo está bem abalado porque joga bem e nada dá certo. E quando erra é fatal", lamentou.

Além de demonstrar apoio ao grupo, o gerente criticou o pessimismo de parte da imprensa e da torcida. "Parece até que já caímos. Outros clubes passaram pela mesma situação, ou até pior nos últimos anos, e deram a volta por cima. Aqui temos que explicar mais o possível rebaixamento do que o possível reabilitação", reclamou. "Os números mostram que o risco de cair é muito grande, não podemos mentir. Mas confio no grupo".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.