Chamusca deve substituir Roth no Goiás

O técnico Péricles Chamusca, do São Caetano, deve substituir o gaúcho Celso Roth no comando do Goiás para 2005. Roth, que anunciou a sua saída da equipe - diz ter proposta de contrato para o exterior a ser apresentada nos próximos dois meses - anunciou no vestiário que está fora e se despediu da equipe.Agora, o acerto do Goiás com Péricles Chamusca, nome que foi confirmado por Hailé Pinheiro, presidente do Conselho Deliberativo do Goiás, depende das eleições do dia 22 (quarta-feira), que poderá manter ou não Raimundo Queiroz como presidente executivo Wanderley Filho, assistente de Celso Roth, também afirmou que foi convidado a permanecer no clube para compor a equipe de Chamusca.Chamusca supera, como novo técnico do Goiás, uma corrida pela dança de cadeiras que tinha como preferidos Jair Picerni e Geninho.Quanto aos clube e aos jogadores, o Goiás termina o ano com o caixa cheio de dinheiro embora sem títulos conquistados. "Nós conseguimos equalizar as contas, alcançamos o equilíbrio financeiro e ainda terminamos o Campeonato Brasileiro em boa posição", diz o presidente-executivo do time, Raimundo Queiros. "Reformamos o clube e o estádio, informatizamos tudo e além de pagar todas as contas ainda aumentamos nossa cota de televisionamento em R$ 3,5 milhões junto ao Clube dos 13", disse.O Goiás, porém, que nada ganhou disputando o campeonato regional, a Copa do Brasil, a Copa Sul-Americana e o Brasileirão também está perdendo boa parte de sua equipe. O zagueiro Renato, convocado para a Seleção sub-20 este ano e em 2003, tem seu passe sendo negociado com o futebol português, por US$ 300 mil. O lateral Esquerdinha também não fica, e também vai para Portugal.Os volantes Josué, com proposta do São Paulo - o passe é dele - já alugou inclusive, sua casa, em Goiânia, enquanto prepara a mudança para a capital paulistana. "Minha transferência não está consolidada, mas eu diria que tenho uma chance muito grande de deixar o Goiás", disse ele. Outro volante, Tiago, negocia com o São Caetano enquanto os principais atacantes também fazem as malas. Alex Dias renovou com o Cruzeiro, deixa o Goiás mas deverá mudar para o Japão ou a Arábia Saudita.Somália, Jerri e Douglas também não ficam e Leandro, cujo passe está avaliado em US$ 1 milhão, pelo Lokomotiv, deverá voltar para Moscou onde vai disputar a Copa dos Campeões da Rússia. Entre os que ficam estão, por enquanto Jorge Mutt, Harlei, Rodrigo Tabata e Jadilson.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.