Márcio Cunha/ Chapecoense
Márcio Cunha/ Chapecoense

Chapecoense desencanta na temporada, vence Boavista e avança na Copa do Brasil

Clube garante a vitória por 2 a 0 e se classifica à segunda fase da competição

Redação, Estadao Conteudo

19 de fevereiro de 2020 | 21h38

A Chapecoense precisou de um mais de um mês para vencer a primeira em 2020. E o triunfo veio em momento importante. Na estreia do técnico Umberto Louzer, a equipe bateu o Boavista, por 2 a 0, nesta quarta-feira, em Saquarema (RJ), no Estádio Elcyr Resende de Mendonça, e se classificou à segunda fase da Copa do Brasil.

Aylon, aos 40 minutos do primeiro tempo, e Foguinho, aos 13 minutos do segundo tempo, colocaram os catarinenses na segunda fase, no caminho do gaúcho São José, que eliminou o Caucaia (2 a 1). O jogo será disputado em 27 de fevereiro, às 19h15, no estádio Francisco Novelletto Neto, em Porto Alegre (RS).

A Chapecoense ainda embolsou, pela classificação, R$ 1,3 milhão. O Boavista, por sua vez, fará a final da Taça Guanabara contra o Flamengo, no sábado, às 18 horas, no Maracanã.

O JOGO

 A etapa inicial entre Boavista e Chapecoense ficou quente após os 25 minutos. A partir daí, os goleiros deram o ar da graça. A primeira chance foi dos visitantes. O zagueiro Derlan se aventurou no ataque e bateu firme aos 28 minutos, mas Klever fez boa defesa. Três minutos depois, o Boavista respondeu com uma bomba de Jean, mas Tiepo espalmou.

Aos 32, Ari Moura pegou bola rebatida por Tiepo e armou contra-ataque para a Chapecoense. O atacante avançou e experimentou, mas Klever voltou a aparecer, salvando os donos da casa novamente. Só que aí o time catarinense abriu o marcador aos 40 minutos. Aylon tabelou com Renato e tocou entre as pernas de Klever para abrir o marcador.

No segundo tempo, Foguinho recebeu de Marcos Vinícius aos 13 minutos, avançou e bateu. A bola tocou na zaga e encobriu o goleiro Klever, fazendo 2 a 0 para a Chapecoense. O Boavista quase diminuiu aos 22, mas Tiepo mostrou reflexo após Jean cruzar e a bola bater na zaga catarinense. O goleiro da Chapecoense voltou a aparecer aos 33 minutos em chute cruzado de Renan Donizete. O jogo seguiu movimentado, mas sem alteração no placar.

OUTROS CLASSIFICADOS

A segunda fase da Copa do Brasil começou com a classificação do Figueirense sobre o Vitória (1 a 0) no Espírito Santo, na noite de terça-feira. O clube catarinense fica no aguardo por Moto Club-MA, Fluminense ou Botafogo-PB.

Nesta quarta-feira, ainda pela primeira fase, o Lagarto fez o dever de casa e bateu o Volta Redonda, por 1 a 0. O clube sergipano enfrentará o Vitória, em Salvador, na segunda etapa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.