Chapecoense encara o Atlético-PR e espera manter bom rendimento pela manhã

A Chapecoense tem feito uma campanha regular no Campeonato Brasileiro. Costuma vencer os jogos em seu estádio e perder quando atua fora de casa. Tanto é que tem seis vitórias, seis derrotas e um empate. A única vez que venceu longe de seus domínios na competição foi contra o Cruzeiro, na oitava rodada, quando entrou em campo às 11 horas.

Estadão Conteúdo

19 de julho de 2015 | 07h24

Neste domingo, a equipe visita o Atlético Paranaense, na Arena da Baixada, em Curitiba, no mesmo horário, pela 14.ª rodada, e espera repetir o feito anterior para finalmente deslanchar na tabela de classificação. "O Atlético tem a mesma pontuação que nós (19). Temos que manter uma postura forte e organizada. E que a gente possa usar um pouco o desespero do adversário, já que precisa somar pontos", comentou o técnico Vinícius Eutrópio, em relação a sequência de três derrotas seguidas do adversário.

O treinador terá que fazer apenas uma modificação em relação à equipe que perdeu para o Avaí, fora de casa, na última rodada. O volante Bruno Silva, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, dará lugar a Wanderson. "Vamos centralizar o Wanderson e adiantar o Elicarlos", informou Vinícius Eutrópio.

A principal novidade, no entanto, estará no banco de reservas. O atacante Ananias está recuperado de lesão e voltou a ser relacionado após quatro jogos.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoChapecoense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.