Chapecoense encara o Internacional de olho no topo da tabela do Brasileirão

A Chapecoense visita o Internacional neste domingo, às 16 horas, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, pela 16.ª rodada, para começar a encostar nos clubes que estão na parte de cima da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. O time catarinense está a seis pontos do G4 e enfrentará um adversário que ainda se refaz da eliminação nas semifinais da Copa Libertadores.

Estadão Conteúdo

02 Agosto 2015 | 07h52

O técnico Vinícius Eutrópio ganhou um problema nesta semana para a partida. O volante Cleber Santana sofreu uma lesão na coxa direita e foi vetado. "Temos o Wanderson para uma situação mais defensiva, o Nenén que tem a característica mais parecida com a do Cleber, que é de posse de bola, e o Wagner um pouco mais ofensivo. Mas vou levar essa dúvida até momentos antes da partida", disse o treinador.

A Chapecoense também estará desfalcada do zagueiro Rafael Lima, do volante Gil e do meia Camilo, todos machucados. Em compensação, o adversário iniciou um processo de reformulação e não terá o lateral-esquerdo Geferson, o volante Aránguiz e o atacante Nilmar, envolvidos em negociação para o exterior.

Vinícius Eutrópio, no entanto, acredita que será o primeiro jogo do Internacional totalmente focado no Brasileirão. "Até então, vinha dividindo as atenções com a Libertadores. O jogo contra a Ponte Preta teve uma viagem longa, do México, e também com o astral lá embaixo pela questão da eliminação. Agora eles enxergam Brasileirão e Copa do Brasil, e este é o principal jogo para que eles possam buscar essa reabilitação", comentou.

Mais conteúdo sobre:
futebolBrasileirãoChapecoense

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.