Gabriela Bilo/Estadão
Gabriela Bilo/Estadão

Chegada de Oswaldo fez a diferença para novos reforços do Palmeiras

Laterais Lucas e João Paulo foram apresentados na manhã desta terça-feira. Dupla chega para tentar resolver um problema do time

DANIEL BATISTA, O ESTADO DE S. PAULO

13 de janeiro de 2015 | 13h01

O Palmeiras apresentou o lateral-direito Lucas e o lateral-esquerdo João Paulo nesta terça-feira e ambos chegaram ao clube admitindo que, além do projeto apresentado a eles pela diretoria, a presença do técnico Oswaldo de Oliveira foi fundamental para que os dois decidissem jogar no Palmeiras.

"Meu motivo para ter aceitado vir para o Palmeiras foi o fato de ter jogado com o Oswaldo e conhecer o seu trabalho. Além do projeto do Palmeiras, de conquistar títulos neste ano. Sabendo que o Oswaldo viria, isso fortaleceu a minha vinda", disse Lucas, que trabalhou com o treinador em 2013, no Botafogo.

Ele chegou ao Palmeiras por indicação do técnico e sem custos, já que deixou o clube carioca em agosto do ano passado após entrar na Justiça alegando falta de pagamento de salários, entre outros benefícios.

Embora nunca tenha trabalhado com Oswaldo, João Paulo também está empolgado com a possibilidade de ser comandado pelo treinador. "O que me motivou foi a presença do Oswaldo, além do projeto que o Palmeiras está iniciando. Vi o trabalho dele de perto e tive vontade de trabalhar com ele. O projeto do Palmeiras de voltar a disputar competições em alto nível também me motivou bastante", explicou o jogador, que disputou o último Campeonato Brasileiro pelo Flamengo.

Lucas tem 26 anos e, antes do Palmeiras, passou por Botafogo, São Bento e Figueirense. Ele chegou ao clube com um contrato válido por três temporadas. O jogador fez parte da seleção brasileira campeã do Superclássico das Américas de 2012. Já João Paulo tem 28 anos e, além do Flamengo, defendeu Ponte Preta, Mogi Mirim, Guarani, Treze, Gama e Novo Hamburgo. Ele assinou contrato de empréstimo válido até o fim do ano.

A dupla chegou para reforçar as laterais do Palmeiras, que foram um grande problema para o time em 2014.  Na direita, o clube teve de apostar em Wendel, que já foi embora, e no jovem João Pedro. Já na esquerda, Juninho, novo reforço do Figueirense, e Victor Luis foram utilizados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.