Divulgação
Divulgação

Chelsea assina com Pato por empréstimo até o fim de maio

Atacante, que pertence ao Corinthians, volta ao futebol europeu

Estadão Conteúdo

29 de janeiro de 2016 | 20h00

Alexandre Pato recusou oferta milionária da segunda divisão do futebol chinês porque acreditava que poderia conseguir espaço num grande clube europeu. E ele estava certo. Nesta sexta-feira, o atacante foi apresentado como reforço do Chelsea. Emprestado pelo Corinthians, ele fica em Londres até o fim da atual temporada do futebol inglês, que acaba em maio.

"Eu estou muito feliz de assinar com o Chelsea. É um sonho para mim. Estou ansioso para encontrar e conhecer meus novos companheiros e não vejo a hora de jogar. Agradeço ao Chelsea pela confiança e espero que possa devolver isso ao clube e aos torcedores", disse Pato ao site oficial do Chelsea.

O atacante ficará na Inglaterra em troca do pagamento do salário de R$ 800 mil mensais. O empréstimo fará com que o Corinthians deixe de gastar R$ 4 milhões com Pato no período, ainda que não receba nada diretamente dos ingleses.

Se o Chelsea decidir ficar com Pato em definitivo, terá de pagar 12 milhões de euros (R$ 53 milhões) no meio do ano. O jogador tem contrato com o Corinthians até o fim do ano e em julho pode assinar um pré-contrato com qualquer outro clube para deixar o Parque São Jorge sem custos em 2017.

O Corinthians trabalhava para tentar vender Pato neste mês. Mas restando pouco tempo para o fechamento da janela de transferências para o futebol europeu e sem nenhum oferta de compra pelo jogador, a diretoria acabou aceitando o empréstimo para o Chelsea para se livrar do salário do atacante.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.