Chelsea
Chelsea

Chelsea defende invencibilidade para avançar contra o Atlético de Madrid na Liga dos Campeões

No outro jogo do dia, o Bayern de Munique entra em campo na Alemanha praticamente classificado com vantagem de 4 a 1 diante da Lazio

Leandro Silveira, O Estado de S.Paulo

17 de março de 2021 | 05h00

As oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa chegam ao fim nesta quarta-feira, a partir das 17 horas (de Brasília), com um jogo praticamente protocolar para o Bayern de Munique, diante da Lazio, e outro que deve estar envolto em muita emoção: em Londres, o Chelsea defenderá uma vantagem magra contra o Atlético de Madrid e, para mantê-la, aposta na regularidade alcançada sob o comando de Thomas Tuchel.

Após vencer o Atlético de Madrid por 1 a 0 em Budapeste, o Chelsea terá um "privilégio" que os outros dois times ingleses participantes das oitavas de final da Liga dos Campeões não tiveram: jogar em seu estádio. Com as restrições para circulação entre Alemanha e Inglaterra em função da pandemia do coronavírus, Manchester City e Liverpool tiveram de mandar suas partidas em Budapeste.

Com a vantagem adquirida no jogo de ida, o Chelsea aposta na manutenção da invencibilidade sob o comando de Thomas Tuchel, com 8 vitórias e 4 empates nesse período. Mas o cenário não é tão bom, tanto que o time marcou apenas 4 gols nos últimos 5 jogos, o que preocupa o treinador alemão. E está em quarto lugar no Campeonato Inglês.

“É um grande desafio para nós como no jogo de ida, mas fizemos um jogo fantástico e queremos repetir o mesmo desempenho para podermos seguir em frente. Sabemos como é difícil vencer o Atlético, mas esse é o nosso plano", disse Tuchel.

Em seu torneio nacional, o Atlético de Madrid está bem mais classificado, liderando o Espanhol. Mas vem perdendo a vantagem confortável que já possuiu na dianteira. E está longe do melhor momento, tanto que empatou 2 dos 4 compromissos que disputou após a derrota no confronto de ida. Para evoluir, também aguarda o crescimento de João Felix, que tem oscilado nos últimos jogos.

"Ele é um jogador importantíssimo, que iniciou a temporada em um grande nível e que confere muita qualidade ao nosso ataque. Precisamos dele. Todos os jogadores passam por fases diferentes, ainda mais quando são jovens", disse o técnico Diego Simeone.  

BAYERN X LAZIO

 Atual campeão europeu, o Bayern praticamente garantiu sua presença nas quartas de final ao ter uma atuação dominante em Roma, onde fez 4 a 1 na Lazio. É essa vantagem que o time buscará defender nesta quarta, em Munique. E com Robert Lewandowski em sua fase artilheira. Ele marcou uma vez na Itália e depois fez 6 nos 3 jogos seguintes da sua equipe pelo Campeonato Alemão.

A defesa do Bayern não vem apresentando o mesmo desempenho de outrora, tanto que foi vazada nas seis partidas disputadas desde a conquista do Mundial de Clubes. Mas a situação da Lazio é ainda pior. O time foi sete vezes vazado nos três jogos realizados  desde que foi goleado no confronto de ida. Também perdeu dois desses duelos e sofreu para derrotar o Crotone, o lanterna do Italiano, por 3 a 2, no último fim de semana. Para piorar a situação, seu artilheiro, Ciro Immobile, está em jejum de seis jogos. Assim, o Bayern tem tudo para disputar as quartas de final da Liga dos Campeões pela nona vez nas últimas dez temporadas.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.