Chelsea estreia com goleada fora na Liga dos Campeões

Mesmo sem jogadores importantes, o Chelsea atropelou o modesto Zilina nesta quarta-feira, em sua estreia pela fase de grupos da Liga dos Campeões. Com Drogba suspenso, Lampard machucado e Ashley Cole poupado, o time londrino foi até a Eslováquia e goleou por 4 a 1, com direito a dois gols do francês Anelka.

AE, Agência Estado

15 de setembro de 2010 | 18h16

A grande vitória deixa o Chelsea na liderança do Grupo F, com três pontos e bom saldo de gols. Em segundo vem o Spartak Moscou, dos brasileiros Alex, ex-Internacional, e Ibson, ex-Flamengo, que também triunfou fora de casa. Diante do Olympique de Marselha, atual campeão francês, o time russo venceu por 1 a 0, com um gol contra no fim da partida.

Já em Zilina, o zagueiro Alex foi o representante do Brasil, enquanto o volante Ramires ficou no banco de reservas e não ganhou uma oportunidade do técnico italiano Carlo Ancelotti. Sem o jogador da seleção brasileira, o Chelsea se impôs desde o início e não demorou para marcar, vencendo a retranca eslovaca em apenas 13 minutos.

O ganês Essien foi o primeiro a marcar. Anelka invadiu a área e tocou atrás para Malouda, que furou e viu Essien chegar batendo de primeira. Aos 24, o jogador de Gana voltou a desequilibrar e fez o lançamento para Anelka bater na saída do goleiro. Inspirado e com sorte, o atacante francês aproveitou o rebote da cabeçada de Terry no travessão, aos 28, para fazer 3 a 0.

A vantagem não impediu o Chelsea de seguir pressionando no segundo tempo. Logo aos três minutos, Sturridge foi lançado, passou pelo goleiro e tocou para o gol vazio. Mostrando muita fragilidade, o Zilina conseguiu o seu gol de honra em uma falha da defesa londrina. O goleiro Cech saiu mal, a bola bateu em Alex e sobrou para Oravec marcar.

Pela segunda rodada do Grupo F, as equipes só voltam a jogar no dia 28. O Chelsea recebe o Olympique no Stamford Bridge, enquanto o Spartak pega o Zilina em Moscou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolLiga dos CampeõesChelsea

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.