Chelsea leva virada e perde em casa para o suíço Basel pela Liga dos Campeões

Oscar abre o marcador, mas Salah e Streller fazem o vira diante de um impassível José Mourinho

AE, Agência Estado

18 de setembro de 2013 | 17h53

LONDRES - Na reestreia de José Mourinho pelo Chelsea na Liga dos Campeões da Europa, o time inglês tropeçou e caiu diante do Basel nesta quarta-feira, mesmo atuando em casa. Oscar deixou sua marca no primeiro tempo, mas Salah e Streller viraram o placar e selaram a vitória do time suíço por 2 a 1, em pleno Stamford Bridge, pela primeira rodada do Grupo E.

Com o resultado, o Basel divide a liderança da chave com o Schalke 04, que venceu o Steaua Bucareste por 3 a 0, em casa, e leva vantagem no saldo de gols. Já Chelsea e Steaua não somaram pontos. Na próxima rodada, o Schalke vai à Suíça para enfrentar justamente o Basel, enquanto o Chelsea busca a reabilitação diante do Steaua, na Romênia.

O confronto desta quarta foi uma reedição da semifinal da última Liga Europa, quando o Chelsea avançou à final - na qual seria campeão - após triunfar sobre o Basel por 2 a 1 fora de casa e por 3 a 1 em seus domínios. O time suíço, aliás, vem fazendo boas campanhas nos últimos anos, e na Liga dos Campeões da temporada 2011/2012 chegou às oitavas de final após passar pelo grupo do Manchester United, que acabou caindo na primeira fase.

Nesta quarta, no entanto, foi o Chelsea que começou melhor, teve maior posse de bola durante todo o primeiro tempo, perdeu boa oportunidade com Hazard, mas achou seu primeiro gol. Aos 44 minutos, David Luiz arrancou pelo meio, tocou para Lampard, que achou Oscar. O brasileiro, então, encheu o pé, cruzado, sem chance para o goleiro.

No segundo tempo, o Chelsea seguiu melhor e viu Hazard e Ivanovic quase marcarem. Quando parecia que o resultado estava definido, Salah marcou. Após bela triangulação na entrada da área, a bola sobrou para ele, que bateu colocado, no canto direito de Cech, aos 26 minutos. Dez minutos depois, veio a virada. Streller aproveitou escanteio da esquerda, se antecipou à zaga e desviou para selar o placar.

Na Alemanha, o Schalke sofreu diante do Steaua na primeira etapa e só conseguiu definir o placar no segundo tempo. A equipe alemã contou com a sorte para sair na frente com Uchida, que tentou o cruzamento aos 22 minutos, mas a bola pegou efeito ao quicar no chão e entrou. Aos 33, Kevin-Prince Boateng aproveitou enfiada de bola e tocou sobre o goleiro para ampliar. Já aos 40, Draxler fechou o placar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.