AFP Photo/ Sean Dempsey
AFP Photo/ Sean Dempsey

Chelsea obtém recurso e meia Matic tem punição reduzida no Inglês

Sérvio está fora da final da Copa da Inglaterra, contra o Tottenham, e, pela Liga, do confronto diante do West Ham, no Upton Park

Estadão Conteúdo

24 de fevereiro de 2015 | 16h01

A Associação de Futebol da Inglaterra (FA, na sigla em inglês) aceitou recurso do Chelsea nesta terça-feira e reduziu de três para dois jogos a suspensão imposta ao meia Nemanja Matic. O clube londrino, contudo, expressou "decepção extrema" pela decisão porque esperava que o jogador fosse absolvido.

"É a visão do clube de que ele foi injustamente punido com uma suspensão de dois jogos por ter reagido a uma falta que poderia ter encerrado sua carreira", declarou o Chelsea, em nota. "Árbitros e autoridades do futebol devem fazer mais para proteger seus jogadores em todos os níveis do jogo."

Matic havia sido suspenso por três jogos por ter reagido duramente diante de uma violenta falta de Ashley Barnes, durante a partida contra o Burnley, no sábado passado. O meia do Chelsea partiu para cima de Barnes e o empurrou, após levar uma temerosa pancada no meio da canela.

Na avaliação da FA, a reação do jogador do Chelsea foi desproporcional e justifica o gancho de dois dias. "A resposta violenta do Sr. Matic, diante da natureza da falta, não pode ser tolerada. Os membros da comissão, contudo, aceitaram a redução [da punição] em respeito ao nível de força utilizado pelo Sr. Matic em comparação à natureza do contato feito pelo Sr. Barnes", registrou a FA, também em nota.

Com a suspensão de dois jogos, Matic vai desfalcar o Chelsea na final da Copa da Liga Inglesa, contra o Tottenham, no domingo. Depois ficará fora da partida contra o West Ham, no dia 4 de março, em rodada do Campeonato Inglês.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolChelseaMatic

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.