Chelsea tem trabalho, mas vence após susto de Drogba

O Chelsea teve trabalho para vencer o modesto Norwich, neste sábado, por 3 a 1, pela terceira rodada do Campeonato Inglês. Jogando em casa, saiu na frente, levou o empate, e só conseguiu encaminhar a vitória nos minutos finais da partida. O espanhol Mata, recém-contratado pelo time do magnata Roman Abramovich junto ao Valencia, marcou um gol logo em sua estreia.

AE, Agência Estado

27 de agosto de 2011 | 13h25

A partida, porém, ficou marcada por um lance em que o atacante Didier Drogba se chocou com Ruddy, goleiro do time adversário, e caiu desacordado em campo, aos 18 do segundo tempo. O jogo ficou sete minutos paralisado até que o marfinense deixasse o gramado caminhando, mas aparentemente zonzo. Acabou substituído por Anelka.

O Chelsea havia aberto o placar logo aos 5 minutos de jogo. Bosignwa recebeu passe de Lampard, chutou forte de longe e mandou a bola para o fundo das redes. Os visitantes empataram aos 17 da segunda etapa. Ivanovic e Hilario se choraram e deram a bola de presente para Holt marcar.

O segundo gol só veio aos 35. Ramires invadiu a área e foi derrubado pelo goleiro Ruddy, que recebeu o cartão vermelho no lance. Lampard cobrou o pênalti com força e desempatou. Nos acréscimos, De Laet devolveu o presente, saiu jogando errado e Mata bateu cruzado para fazer o seu primeiro gol com a camisa azul.

Com a vitória, o Chelsea é o líder provisório do Inglês, com sete pontos em três jogos. Também neste sábado, o Wigan venceu o Queens Park Rangers por 2 a 0 e o Everton bateu o Blackburn por 1 a 0, fora de casa. Aston Villla e Woverhampton, assim com Swansea City e Sunderland, não saíram do 0 a 0.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolChelseaCampeonato Inglês

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.