Chiellini desfalca seleção italiana na abertura das Eliminatórias

Por conta de lesão na panturrilha esquerda, zagueiro da Juventus será ausência de partida da próxima terça-feira contra a Noruega

Estadão Conteúdo

06 de setembro de 2014 | 10h57

O técnico Antonio Conte não poderá contar com o zagueiro Giorgio Chiellini na estreia da seleção italiana nas Eliminatórias da Eurocopa de 2016. Machucado, o defensor da Juventus foi vetado neste sábado para o jogo contra a Noruega, que acontecerá na próxima terça-feira, em Oslo. 

Chiellini está fora da partida por causa de contusão na panturrilha esquerda, que já havia tirado o defensor do amistoso com a Holanda, quinta-feira, em Bari, por precaução. Testes realizados na sexta confirmaram o problema. O departamento médico da Itália não informou o prazo de recuperação do atleta.

Com o desfalque, a Itália entrará em campo na terça com a zaga reserva, uma vez que Andrea Barzagli também se recupera de lesão. O defensor foi submetido a uma cirurgia no calcanhar direito em julho e ainda não tem data para voltar à seleção.

Chiellini e Barzagli formaram a dupla de zaga da Itália na Copa do Mundo, na qual a tradicional seleção decepcionou e não conseguiu passar da fase de grupos. Chiellini ainda esteve envolvido em um dos episódios mais marcantes do Mundial ao levar uma mordida do atacante uruguaio Luis Suárez na última partida da Itália no torneio - Suárez acabou sendo sofrendo dura punição pela agressão.

Para a estreia nas Eliminatórias da Euro, Antonio Conte também terá as baixas do atacante Mario Balotelli e do meia Claudio Marchisio, ambos suspensos por conta de punições sofridas naquele jogo contra o Uruguai, na rodada final do Grupo D da Copa. Balotelli nem chegou a ser convocado pelo novo treinador italiano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.