Cesar Greco/Agência Palmeiras
Cesar Greco/Agência Palmeiras

Chileno que apitou Boca x River será árbitro da decisão da Sul-Americana

Roberto Tobar vai comandar o jogo entre Atlético-PR e Junior de Barranquilla na próxima quarta-feira

Estadão Conteúdo

07 Dezembro 2018 | 18h18

O chileno Roberto Tobar será o árbitro da finalíssima da Copa Sul-Americana. Nesta sexta-feira, a Conmebol anunciou a escalação do chileno para o duelo entre Atlético Paranaense e Junior de Barranquilla, marcado para a próxima quarta-feira, na Arena da Baixada.

Tobar será auxiliado pelos chilenos Christian Schiemann e Claudio Rios. E Julio Bascuñan, também seu compatriota, foi o escolhido para liderar a utilização do VAR, o assistente de árbitro de vídeo - ele tinha sido o juiz principal na vitória do Atlético-PR por 2 a 0 sobre o Fluminense, pelas semifinais, no Maracanã.

Nesta temporada, Tobar já apitou a final de um torneio organizado pela Conmebol, tendo sido o árbitro do empate por 2 a 2 entre Boca Juniors e River Plate, no estádio de La Bombonera, no primeiro confronto da decisão da Copa Libertadores. Também por essa competição, Tobar atuou em dois jogos que envolveram a participação de clubes brasileiros: Boca Juniors 0 x 2 Palmeiras e Grêmio 4 x 0 Atlético Tucumán.

Já na Sul-Americana, Tobar apitou outras duas partidas com a presença de clubes do Brasil, ainda que nenhuma do Atlético-PR: a derrota do Botafogo por 2 a 1 para o Nacional do Paraguai e a vitória do Fluminense por 1 a 0 sobre o Nacional do Uruguai.

Na última quarta-feira, o primeiro jogo da decisão da Sul-Americana terminou empatado em 1 a 1. Assim, o Atlético-PR precisará derrotar o Junior Barranquilla na próxima para conquistar o título do torneio continental.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.