Chulapa promete Santos nos trilhos contra o Barueri

Serginho Chulapa promete recolocar o Santos nos trilhos com uma vitória contra o Barueri, nesta quarta-feira, às 21 horas, na Vila Belmiro, pela 11.ª rodada do Campeonato Brasileiro, para reconquistar a confiança do torcedor, revoltado com os jogadores após o vexame de domingo, em Salvador.

SANCHES FILHO, Agencia Estado

15 de julho de 2009 | 08h43

O técnico interino disse que há pouco a ser mudado, mas deve escalar o time mais ofensivamente, com Roni ao lado de Kléber Pereira. Léo cumpriu suspensão diante do Vitória e retorna à lateral esquerda e Neymar deve ficar no banco. Ele só não poderá contar com Molina, que recebeu o terceiro amarelo.

Ao contrário de treinadores famosos, Chulapa se diverte quando alguém o chama de professor. "Não sou estrategista, mas pelo menos escalar o time eu sei. Cada um tem a sua característica. A minha é de não ficar parado", lembrou.

Serginho é mais de atitudes do que de palavras. Ao perceber que o time iria sofrer com a pressão da torcida, pensou em ir ao Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, para se colocar ao lado dos jogadores. "Não dava mais tempo e resolvi vir para o CT". Ele se colocou diante dos jogadores e nenhum torcedor teve coragem para sair das ameaças para as agressões.

Ao perceber que quatro torcedores subiram numa árvore para protestar contra Kléber Pereira, Serginho parou o treino e foi negociar com os insatisfeitos. "Podem esperar que amanhã (quarta) o time vai dar uma resposta para vocês no campo". Os torcedores desceram da árvore e foram embora.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroSantos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.