Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Churrasco com amigos, brincadeiras com filho e família 'resgatam' Messi

Harmonia fora do campo faz argentino crescer com o Barcelona

O Estado de S. Paulo

17 Março 2015 | 12h38

 Não faz muito tempo e Messi, quatro vezes o melhor do planeta, estava na parede: teria perdido o encanto com o futebol? Os gols e as jogadas de malabarismo não saiam como ele queria e a tristeza era evidente em seu olhar. Mas nada como um tempo com a família, uma reunião com amigos e o amor, carinho e as brincadeiras com um filho para que as coisas ruins sejam apagadas. Nesta quarta-feira, Messi é a grande esperança para o Barcelona carimbar passaporte para as quartas de final da Liga dos Campeões diante do Manchester City.

Em grande fase da carreira, enfileirando adversários e anotando gols aos montes, Messi viu seu momento ruim sumir e muito disso agradece aos bons fluídos vindos longe das quatro linhas. Em grande fase amorosa - vai ser pai pela segunda vez - e com um amigo para todas as horas a seu lado (o filho Thiago, de três aninhos), La Pulga ressurgiu para o futebol.

O craque argentino está tão feliz que adotou as redes sociais para dividir com os fãs um lado que poucos conhecem. O lado do amigo, do bom pai e até do cozinheiro. Com mais de 10 milhões de seguidores, ele brinca, interage, e já não aparece mais sisudo como antes.

A alegria vem da parceria com a namorada Antonella Roccuzzo, com quem pretende se casar em breve após uma vida toda junto. Amizade de infância de Rosário, na Argentina, Messi conhece a mãe de seu filho Thiago desde os cinco anos. Hoje, aos 27, já vive um relacionamento desde 2008 e quer oficializá-lo em breve. De preferência antes de o próximo herdeiro nascer. Antonella estaria grávida de dois meses.

E também da parceria com o pequeno Thiago. Messi mostra tudo o que faz com o pequeno, ao qual não deixa sem uma camisa da seleção argentina. Desde brincadeira com pantufas, na praia ou esquiando na neve, até mesmo numa soneca durante um breve momento de folga.

Com bons motivos para brilhar cada vez mais no campo, ele espera dedicar o que mais sabe fazer, gols, para seus companheiros inseparáveis. O Manchester City que se cuide com este 'monstro' com a bola nos pés e um ser humano normal fora das quatro linhas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.