Chuva alaga Maracanã e cancela inspeção da Fifa

A forte chuva que caiu sobre o Rio na noite de terça-feira alagou parte da obra de reforma do Estádio do Maracanã, na zona oeste da cidade. O problema obrigou a Fifa o Comitê Organizador Local (COL) a cancelar uma visita de inspeção que seria realizada nesta quarta-feira no palco da partida final da Copa do Mundo de 2014.

AE, Agência Estado

06 de março de 2013 | 14h10

"Informamos que, em razão das fortes chuvas que atingiram a cidade do Rio de Janeiro na noite de terça-feira, a visita operacional das equipes da Fifa e do COL ao Maracanã foi cancelada", informou o comitê organizador, em nota.

Partes da reforma do Maracanã e diversos equipamentos que são usados pelos funcionários da obra amanheceram submersos em lama na manhã desta quarta-feira. Também o Ginásio do Maracanãzinho, que faz parte do mesmo complexo, ficou com sua quadra debaixo d''água.

O problema acontece exatamente um dia depois de o secretário-geral da Fifa, Jérome Valcke afirmar, em entrevista coletiva em Recife, que o Maracanã era o estádio que mais preocupa a Fifa a pouco menos de três meses do começo da Copa das Confederações, em junho.

Valcke, que está no Brasil para mais um giro fiscalizando os estádios da Copa das Confederações, participará de uma reunião no Rio nesta quinta-feira, como é de praxe sempre ao fim dessas visitas. Mas ainda não está definido se o secretário irá ao Maracanã. O consórcio responsável pela reforma do estádio ainda não se pronunciou sobre os estragos que a chuva causou na obra.

Mais conteúdo sobre:
futebolMaracanãCopa de 2014

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.