Chuva atrapalha treino da Portuguesa

Agora é o tempo quem resolve atrapalhar a Portuguesa. Depois de somar apenas 1 ponto em 9 disputados até agora no Campeonato Paulista, o técnico Dario Pereyra pensava em fazer mudanças no time titular para o jogo contra o Corinthians, domingo, no Morumbi. Mas a chuva que caiu nesta quinta-feira em São Paulo alagou o Canindé e o centro de treinamento do clube, impossibilitando o teste dessas alterações.Com isso, os jogadores fizeram apenas um trabalho físico na academia do clube e, logo em seguida, foram dispensados. Na manhã desta sexta-feira, se a meteorologia ajudar, Dario Pereyra pretende comandar o coletivo adiado (em lugar do treino tático que estava programado) e só então definir o time titular. A única alteração confirmada, por enquanto, é a entrada de Edu Silva no lugar de Júlio César na lateral-esquerda. Mas a defesa, bastante criticada, pode ter outras mudanças.O ambiente anda tão para baixo no Canindé que Dario Pereyra já admite que se encare a Lusa como mera coadjuvante do campeonato. "Não pensamos em título. Pensamos apenas em honrar as cores do clube", disse o treinador. Por outro lado, ele também não cogita a hipótese de rebaixamento. "Nem passa pela nossa cabeça essa possibilidade. Começamos mal, mas vamos progredir", garantiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.