Citadini desmente acerto com Dida

Há mistério em torno do futuro de Dida. O goleiro encerrou período de empréstimo no Corinthians, logo após a Copa do Mundo, e se prepara para reapresentar-se ao Milan. Mas o clube italiano, que o contratou três anos atrás do Cruzeiro, não parece disposto a reintegrá-lo. Segundo informações divulgadas neste domingo pela imprensa italiana, a intenção é repassá-lo ao time paulista por mais uma temporada.A transação não está fechada. O vice-presidente de futebol do Corinthians, Antonio Roque Citadini, garantiu que não houve contato com a diretoria do Milan e não se cogitou ainda da permanência do goleiro no Parque São Jorge. "Não temos nada acertado", desconversou o dirigente, sem fechar as portas para o retorno do jogador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.