Citadini diz que cansou de Luxemburgo

A reunião do Conselho Deliberativo do Corinthians que aprovou as contas do presidente Alberto Dualib por unanimidade, na noite de quinta-feira, teve um show à parte do vice-presidente de futebol, Antônio Roque Citadini. Politicamente cada vez mais forte no Parque São Jorge, o responsável direto pela demissão de Vanderlei Luxemburgo não poupou o ex-treinador corintiano e sua comissão técnica na hora de explicar aos conselheiros por que o clube chegou à conclusão de que deveria demiti-lo.Citadini começou atacando Luxemburgo, afirmando que "ele só fez merda" (sic). "Todo dia tinha uma briga entre algum jogador e algum membro da comissão técnica para eu separar. Não agüentava mais ter de apartar briga entre eles, e sempre provocada pela vaidade do seu Vanderlei Luxemburgo e do Antônio Mello", disse num trecho do discurso inflamado que podia ser ouvido até por quem estava do lado de fora do salão nobre do clube.Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.