Peter Powell/EFE
Peter Powell/EFE

City faz 1 a 0 e vence clássico de Manchester pela 4ª vez seguida

Atuando no seu estádio, time derrota o maior rival com gol marcado por Agüero, na partida válida pela 10ª rodada do Campeonato Inglês

Estadão Conteúdo

02 de novembro de 2014 | 13h37

No clássico de Manchester, foi o Manchester City quem se deu melhor. Atuando no seu estádio, o time derrotou o Manchester United por 1 a 0, com um gol marcado pelo atacante argentino Sergio Agüero, na partida válida pela 10ª rodada do Campeonato Inglês, conquistando a quarta vitória consecutiva sobre o rival.

Com o resultado, o Manchester City chegou aos 20 pontos, a seis do líder Chelsea, na terceira posição no torneio nacional. Além disso, encerrou um jejum de três partidas sem vitória na temporada. Já o Manchester United ficou mais distante da luta por uma vaga na próxima Liga dos Campeões, pois está apenas na nona colocação, com 13 pontos.

O primeiro tempo da partida foi bastante disputado, especialmente no meio-de-campo, mas o Manchester City criou mais oportunidades de gol e ainda ficou em vantagem numérica nos minutos finais, quando Smalling cometeu falta dura em Miner e foi expulso ao receber o seu segundo cartão amarelo.[

Na etapa final, o Manchester City abriu o placar do clássico aos 18 minutos. Na jogada, Yaya Touré encontrou Clichy na ponta esquerda e o lançou. Ele cruzou rasteiro para a grande área e Agüero bateu de primeira, marcando o seu décimo gol no Campeonato Inglês, o que o isolou na artilharia do torneio.

Em vantagem, o Manchester City quase ampliou em uma finalização de Navas, que parou na trave, e também em um cabeceio de Yaya Touré. O Manchester United lutou e teve uma boa chance para empatar com Di María, mas parou em Joe Hart. Mas, com um jogador a mais, o Manchester City conseguiu manter a vantagem e assegurar a vitória no clássico deste domingo.

Get Adobe Flash player

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.