Oli Scarff/AFP
Oli Scarff/AFP

City triunfa e conta com derrotas de United e Chelsea para disparar ainda mais

Gol de Fernandinho define vitória sobre o West Bromwich, que faz equipe de Guardiola abrir 15 pontos para o vice-líder

Estadão Conteúdo

31 Janeiro 2018 | 20h02

Melhor equipe da Inglaterra e uma das melhores da Europa, o Manchester City nem precisaria de ajuda, mas foi auxiliado por seus rivais nesta quarta-feira para abrir ainda mais vantagem na liderança do Campeonato Inglês. Não bastasse ter vencido o West Bromwich por 3 a 0, em casa, o time de Pep Guardiola viu o Manchester United cair para o Tottenham, por 2 a 0, em Londres, e o Chelsea ser atropelado em casa pelo Bournemouth, por 3 a 0.

TABELA - Classificação do Campeonato Inglês

+ Lucas elogia estrutura do Tottenham e diz que fará 'grandes coisas' no novo clube

Os resultados deram ao City ainda mais tranquilidade na tabela. A equipe tem 68 pontos após 25 rodadas, contra 53 do Manchester United, vice-líder, e 50 do Chelsea, que caiu para quarto. O Tottenham subiu para 48 e é o quinto, na briga por uma vaga na Liga dos Campeões. O Bournemouth tem 28 pontos, em décimo, enquanto o West Bromwich é o lanterna, com 20.

Como era de se esperar, o City foi amplamente superior nesta quarta e encurralou o West Bromwich desde o início. Foster brecou o adversário em finalizações de Sterling e De Bruyne, mas aos 8 minutos, nada pôde fazer. De Bruyne deu enfiada perfeita para Fernandinho, que apareceu como surpresa na área e bateu cruzado, de esquerda, entre as pernas do goleiro.

Foster se tornava destaque da partida com grandes defesas, e até a trave ajudou o West Bromwich em chute de De Bruyne. Mas aos 22 da etapa final, o belga foi à rede. Ele puxou contra-ataque, escapou do carrinho violento do marcador e abriu na esquerda para Sterling, que devolveu de primeira para o próprio De Bruyne finalizar para a rede.

+ Jogador mais caro da história do clube, Aubameyang é oficializado pelo Arsenal

O West Bromwich sequer ameaçava uma reação e aceitou a vitória do City, que ainda chegou ao terceiro gol aos 43 minutos. Agüero recebeu em velocidade de Sterling, invadiu a área pela direita e tocou com categoria por cima do goleiro.

Agora, o City vai visitar o Burnley na próxima rodada do Inglês, sábado, fora de casa. O desesperado West Bromwich, por sua vez, volta a campo para encarar o Southampton, em casa, também no sábado.

TOTTENHAM

Em Londres, o Tottenham arrancou logo no início para definir o triunfo sobre o Manchester United. Eriksen foi o responsável por abrir o placar logo aos 11 segundos, com o gol mais rápido do Campeonato Inglês desde que Ledley King marcou justamente pelo time londrino em 2000.

Após o pontapé inicial, Vertonghen chutou para frente, Harry Kane disputou pelo alto e a sobra ficou com Dele Alli, que bateu em cima de Smalling. Eriksen aproveitou o rebote e finalizou cruzado, sem chances para De Gea.

O gol deixou o Manchester mais ofensivo e perigoso, mas justamente quando os visitante se lançavam em busca do empate, o Tottenham chegou ao segundo gol em infelicidade de Phil Jones. Aos 28 minutos, Trippier cruzou rasteiro da direita e o zagueiro se atrapalhou todo, mandando a bola para o próprio gol.

O Tottenham foi competente para se fechar depois do segundo gol e se lançar nos contra-ataques, sendo em muitos momentos mais perigoso do que o adversário. De Gea chegou a salvar em algumas oportunidades o Manchester, que perdeu pela primeira vez em 2018.

O time de José Mourinho também volta a campo no sábado, quando encara o Huddersfield Town, em casa. Já o Tottenham tenta manter o embalo em duelo direto diante Liverpool, domingo, fora de casa.

CHELSEA

Mas nem a derrota do Tottenham foi tão vexatória quanto o resultado obtido pelo Chelsea nesta quarta-feira. Diante de sua torcida, a equipe foi atropelada pelo Bournemouth, que arrancou no segundo tempo para construir uma tranquila vitória.

Aos seis minutos da etapa final, Callum Wilson recebeu em velocidade e tocou sob Courtois para abrir o placar. Aos 18, foi a vez de Junior Stanislas ser acionado com liberdade e finalizar de frente para o goleiro belga. Somente três minutos depois, Nathan Ake ainda definiu o resultado.

+ Giroud deixa o Arsenal e assina contrato de 18 meses com o rival Chelsea

O Chelsea volta a campo pelo Inglês na próxima segunda-feira, quando tentará se reabilitar diante do Watford, fora de casa. Já o Bournemouth vai animado para o duelo com o Stoke City, sábado, em casa.

OUTROS RESULTADOS

Ainda nesta quarta pelo Inglês, o Everton recebeu o Leicester e venceu por 2 a 1, com dois gols do recém-contratado Walcott. Newcastle e Burnley ficaram no 1 a 1, assim como Southampton e Brighton & Hove Albion. Já Stoke City e Watford empataram sem gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.