Felipe Santos/ cearasc.com
Felipe Santos/ cearasc.com

Clássico cearense termina empatado; América-MG e Criciúma ficam no 0 a 0

Ceará e Fortaleza ficam no empate por 1 a 1 no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil

Redação, Estadão Conteúdo

02 de junho de 2021 | 23h59

O clássico cearense na Copa do Brasil entre Ceará e Fortaleza terminou com um empate por 1 a 1, na Arena Castelão, deixando o duelo totalmente em aberto na briga por vaga às oitavas de final. Ainda nesta quarta-feira, América Mineiro e Criciúma ficaram no 0 a 0, na Arena Independência.

No Castelão, o Ceará sentiu o 'gostinho' da vitória e do presente de 107 anos, completados nesta quarta-feira, mas acabou levando o empate do arquirrival Fortaleza e o jogo terminou 1 a 1. Cleber abriu o placar logo no início do duelo, mas Wellington Paulista, na etapa complementar, deixou tudo igual.

Com o resultado, o vencedor no duelo de volta, marcado para quinta-feira (10), às 19h, novamente no Castelão, avançará às oitavas de final e levará uma premiação no valor de R$ 2,7 milhões. Os confrontos desta fase serão definidos através de sorteio.

A partida contou com uma ação do Ceará em conjunto com a Polícia Civil em prol das pessoas desaparecidas de Fortaleza. Os nomes dessas pessoas estamparam a camisa alvinegra junto com o telefone para informações sobre os casos.

Além disso, chamou atenção também um lance envolvendo o goleiro Felipe Alves. Ele cavou um buraco no gramado assim que acabou o primeiro tempo. Questionado pela comissão técnica do Ceará, pois Richard estaria defendendo o local na etapa complementar, Felipe afirmou que tomou tal atitude por rival, pois o buraco havia o atrapalhado no gol convertido por Cleber.

Na Arena Independência, América Mineiro e Criciúma ficaram no empate sem gols em um jogo de muito equilíbrio e de poucas oportunidades, principalmente no segundo tempo. Destaque para o atacante Rodolfo José. Logo no início da partida, ele teve a chance de deixar o time mineiro na frente, mas voltou a desperdiçar um pênalti, assim como foi na final do estadual. Desta vez, mandou para fora.

Os rivais voltam a se enfrentar na quarta-feira, às 21h30, no Heriberto Hülse. Quem vencer, vai carimbar sua vaga nas oitavas de final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.