Clayton de Souza/Estadão
Clayton de Souza/Estadão

Clássico é um campeonato à parte, mas prioridade é a Libertadores, diz Tite

Técnico vai definir apenas nesta sexta o time do Corinthians para o jogo contra o São Paulo

RAPHAEL RAMOS, Agência Estado

28 de março de 2013 | 19h37

SÃO PAULO - Com exceção de Renato Augusto e Igor, machucados, Tite tem os demais jogadores à disposição para o clássico de domingo, pelo Paulistão, com o São Paulo, mas somente nesta sexta-feira, após o treino da manhã e depois de conversar com o preparador físico Fabio Mahseredjian e o fisioterapeuta Bruno Mazziotti, é que o treinador vai definir o time que levará ao Morumbi. Isso porque na quarta-feira o Corinthians tem um jogo decisivo contra o Millonarios, na Colômbia, pela Libertadores.

O treinador já avisou que "clássico é um campeonato à parte", mas que a prioridade é a Libertadores. A tendência é que, visando a partida em Bogotá, no domingo voltem ao time os atletas que precisam de ritmo após lesões ou problemas musculares.

Nesta quinta-feira, os jogadores que não participaram do empate por 1 a 1 com o Penapolense fizeram um treino leve no CT do Parque Ecológico. Entre eles estavam Alexandre Pato, Cássio e Paulinho, recuperados de lesões, e Alessandro, Gil, Ralf e Danilo, poupados da partida de quarta-feira. Os atletas que enfrentaram o Penapolense fizeram um trabalho de recuperação física na academia.

O volante Paulinho, que por causa de uma lesão na coxa esquerda foi cortado dos amistosos da seleção brasileira contra Itália e Rússia, disse que ainda não conversou com Tite, mas se colocou à disposição para atuar tanto domingo como na quarta-feira. "Estou 100% fisicamente. Posso garantir que estou pronto para voltar a jogar", disse.

Ele, inclusive, garante não estar com a cabeça na partida contra o Millonarios. "O clássico é um jogo à parte, por conta da rivalidade entre as equipes, e por isso não queremos perder. Queremos um grande jogo contra o São Paulo. Somos maduros a ponto de pensar primeiro no clássico, e só depois no confronto de quarta-feira."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato PaulistaCorinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.