Felipe Rau/Estadão Conteúdo
Felipe Rau/Estadão Conteúdo

Cássio ignora protesto de santistas contra juiz: 'merecemos a vitória'

Goleiro disse que só defendeu uma bola em toda a partida

O ESTADO DE S. PAULO

20 de setembro de 2015 | 14h58

Após vitória do Corinthians por 2 a 0, em Itaquera, o goleiro Cássio não se incomodou com reclamações de rivais sobre a arbitragem no clássico contra o Santos. "Criamos mais chances desde o primeiro minuto. Eu mesmo só defendi uma bola no jogo", afirmou.

Logo após a partida, jogadores do Santos insinuaram que o árbitro do jogo, Flavio Rodrigues Guerra, favoreceu o Corinthians ao marcar pênalti em Vagner Love e expulsar David Braz, que não cometeu a infração. "Aqui (em Itaquera) é normal darem coisas para eles", disse o meia Lucas Lima.

"Reclamações contra Corinthians são sempre maiores, pela nossa camisa tudo pesa mais", disse Cássio. "Pelo que estão falando foi pênalti. Mas eu não me preocupo com isso. Esse lance não vai tirar o brilho da nossa vitória."

Renato Augusto tem a mesma opinião que a do goleiro. "Foi pênalti. O Love estava de frente para o gol.Isso não pode apagar o brilho do nosso time. Fizemos uma partida impecável."


Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansBrasileirãoCássio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.