Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

Clássico na Vila Belmiro reúne rivais em situações opostas

Santos tenta evitar vexame no Paulista, enquanto Palmeiras busca vitória para garantir a classificação antecipada

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

19 de março de 2017 | 07h00

O campeão e o vice do último Campeonato Brasileiro passaram as últimas temporadas em rivalidade acirrada por decisões constantes de título. Neste domingo, na Vila Belmiro, às 18h30, se encontram pela nona rodada do Campeonato Paulista em condições quase opostas. O Palmeiras, consolidado pela boa sequência, visita o Santos, em busca de reação no Estadual.

O jogo, ao mesmo tempo, pode dar ao Alviverde a vaga antecipada à próxima fase – em caso de vitória – e complicar o rival. O Santos tenta entrar na zona de classificação para não passar o vexame de ser eliminado ainda na primeira fase. "Deixamos adversários abrirem vantagem e agora precisamos correr atrás para recuperar. Nada melhor do que fazer isso em um clássico", afirmou o atacante Ricardo Oliveira.

O time santista passou por uma crise interna semanas antes de se recuperar no Estadual ao ganhar duas vezes nas últimas três rodadas e vencer na quinta-feira o The Strongest, pela Copa Libertadores. Apesar da evolução, a equipe chega ao clássico em momento diferente do vivido nos encontros anteriores.

Os dois clubes intensificaram a rivalidade nos dois últimos anos. Em 2015, decidiram o Paulista (deu Santos) e a Copa do Brasil (Palmeiras). No ano seguinte, se enfrentaram pela semifinal do Estadual, em confronto decidido nos pênaltis e vencido pelo Santos, e terminaram nas duas primeiras posições do Brasileiro.

Neste ano o Palmeiras vive momento melhor no Estadual, principalmente por já ter vencido um clássico, algo ainda inédito para o Santos, batido pelo São Paulo em plena Vila e pelo Corinthians fora de casa.

"O Palmeiras vem de cinco bons resultados, está se consolidando. Soube que o time não ganha na Vila Belmiro desde 2011, mas isso pouco nos afeta neste momento", disse o treinador Eduardo Baptista.

Os clube venceram no meio de semana pela Libertadores e devem escalar formações parecidas às utilizadas no torneio. A expectativa é pelo confronto de atacantes entre Ricardo Oliveira, autor de quatro gols sobre o Palmeiras em anos anteriores, e o colombiano Borja, que pela primeira vez será titular em um clássico.

FICHA TÉCNICA

SANTOS X PALMEIRAS

SANTOS: Vladimir; Victor Ferraz, David Braz, Lucas Veríssimo e Zeca; Renato, Thiago Maia, Lucas Lima e Vitor Bueno; Bruno Henrique e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Junior.

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Mina, Edu Dracena e Zé Roberto; Felipe Melo; Michel Bastos (Keno), Tchê Tchê, Guerra e Dudu; Borja. Técnico: Eduardo Baptista.

Juiz: Flávio Rodrigues de Souza.

Local: Vila Belmiro.

Horário: 18h30

Na TV: PPV

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.