Evelson de Freitas/Estadão
Evelson de Freitas/Estadão

Clássico serviu como teste para o Mundial, diz Emerson

Jogadores enxergam empate por 1 a 1 contra o Santos como algo bom

AE, Agência Estado

25 de novembro de 2012 | 10h09

SÃO PAULO - O Corinthians fez sua última partida como mandante no Pacaembu antes do Mundial de Clubes no último sábado. Os mais de 34 mil espectadores que estiveram no estádio não puderam comemorar uma vitória, mas o empate por 1 a 1 no clássico com o Santos agradou os jogadores. O atacante Emerson, por exemplo, celebrou o resultado e disse que a partida serviu como um bom teste para o que a equipe enfrentará no torneio do Japão.

"Serve como preparação. Está dentro do previsto, não vai ser moleza lá também. O Santos se portou muito bem hoje (sábado). Achou um gol, depois trabalhou a bola. O Muricy fechou um pouco mais e talvez seja isso que a gente encontre lá. Vai ter dificuldade, a parte psicológica vai ser importante. Pelo que o Santos fez no Pacaembu, o resultado foi bom para nós", declarou.

A equipe do técnico Tite estreia no Mundial no dia 12 de dezembro, em Toyota, contra um adversário ainda a ser definido. Antes de viajar para o Japão, no entanto, fecha sua participação no Campeonato Brasileiro com um clássico diante do São Paulo, domingo que vem, novamente no Pacaembu, mas desta vez com mando do adversário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.