Amanda Perobelli/Reuters
Amanda Perobelli/Reuters

Classificação rende ao Corinthians R$ 15,6 milhões em premiação na temporada

Time alvinegro avançou por oito mata-matas entre Copa do Brasil, Copa Sul-Americana e Paulista

João Prata, O Estado de S.Paulo

25 de abril de 2019 | 11h30

O Corinthians avançou por oito duelos mata-matas na atual temporada. Foram quatro pela Copa do Brasil, três no Campeonato Paulista e um na Copa Sul-Americana. Essas classificações renderam R$ 15,6 milhões em premiação aos cofres do clube.

O título pelo Estadual pagou R$ 5 milhões. As quatro fases da Copa do Brasil renderam até agora R$ 8,1 milhões e a primeira fase da Copa Sul-Americana contribuiu com mais R$ 2,5 milhões. 

O campeão da Copa do Brasil vai receber da CBF a premiação de R$ 52 milhões. Como a recompensa é acumulada ao longo da campanha, se o time vencedor estiver presente no torneio desde a primeira fase, como é o caso do Corinthians, pode embolsar ao longo da temporada cerca de R$ 67 milhões. 

Os valores não param por aí. Se também faturar o Campeonato Brasileiro o time pode receber R$ 33 milhões. As conquistas ajudarão a bancar as altas despesas que o clube tem, como a folha salarial em torno dos R$ 15 milhões e os gastos mensais de R$ 6 milhões com o financiamento da arena em Itaquera.

Na temporada passada, nem o título do Paulista e nem o vice da Copa do Brasil ajudaram a equipe a fechar no azul. Como estava sem um patrocinador master, o clube fechou com déficit de R$ 18,7 milhões. A previsão para 2019 é em fechar com saldo positivo de pelo menos R$ 650 mil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.