Marko Djurica/Reuters
Marko Djurica/Reuters

Classificado, Uruguai deve rodar o elenco para duelo pela liderança com a Rússia

Líderes do Grupo A cruzam com os dois primeiros do Grupo B, que devem ser Espanha e Portugal

Estadão Conteúdo

24 Junho 2018 | 08h26

O técnico Oscar Tabárez tem poucas certezas e muitas dúvidas para escalar o Uruguai na última rodada do Grupo A, em partida contra o Rússia, às 11 horas (de Brasília) desta segunda-feira, em Samara. Os únicos jogadores confirmados no duelo são o goleiro Fernando Muslera, os atacantes Edinson Cavani e Luis Suárez, e o zagueiro Sebastián Coates, que vai substituir José María Giménez, vetado por causa de dores musculares.

+ Fifa diz que não há 'evidências suficientes' de doping na Rússia

+ Löw evita pensar em confronto com o Brasil: 'Antes temos que vencer a Coreia'

+ Lewandowski e Falcao dão o tom no duelo entre Polônia e Colômbia

Lateral-esquerdo nas duas primeiras partidas do Uruguai na Copa, Martín Cáceres pode desocupar a posição para a entrada de seu substituto imediato, Gastón Silva. Assim o time jogaria com três zagueiros ou o defensor substituiria Diego Godín para a primeira linha ser mantida com quatro homens. Uma substituição simples de Cáceres por Silva não está descartada, assim como é possível que Maxi Pereira entre no lugar de Guillermo Varela na lateral direita.

Os meio-campistas Jonathan Urretaviscaya, Diego Laxalt e Lucas Torreira são candidatos a iniciarem pela primeira vez uma partida no Mundial. Como a expectativa é de que Rodrigo Bentancur e Matías Vecino ganhem descanso, os três suplentes disputam posição com Nahitan Nández, Cristian Rodríguez, Carlos Sánchez e Giorgian De Arrascaeta, que se revezaram entre os titulares nas duas primeiras rodadas.

Os únicos jogadores de linha que têm pouca chance até de entrar no segundo tempo são Maxi Gómez e Cristhian Stuani, convocados por Tabárez para serem suplentes da dupla de ataque titular. Estrelas da equipe e maiores artilheiros da história da seleção, Suárez e Cavani disputaram todos os minutos possíveis até o momento.

 

O Uruguai tem seis pontos conquistados e a classificação garantida para as oitavas de final. Como ganhou por 1 a 0 do Egito, no dia 15, em Ecaterimburgo, e da Arábia Saudita, na quarta-feira, em Rostov, os uruguaios terão de vencer a Rússia para garantir a primeira posição no Grupo A, uma vez que a seleção anfitriã tem vantagem de cinco gols positivos de saldo.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.