Claudinei Oliveira vê time do Santos pronto para retorno

Com a desistência da diretoria na contratação do argentino Gerardo Martino, Claudinei Oliveira continua como técnico interino do Santos. Apesar da indefinição sobre o futuro, ele vai trabalhando normalmente no dia a dia santista. E, após duas semanas de treino, vê o time pronto para a retomada do Brasileirão - o próximo compromisso é no dia 7 de julho, quando faz o clássico com o São Paulo.

AE, Agência Estado

28 de junho de 2013 | 19h57

"Se o jogo fosse nesse fim de semana, estaríamos prontos para enfrentar o São Paulo e acredito que possamos fazer uma boa partida", revelou Claudinei Oliveira, em entrevista coletiva nesta sexta-feira, quando também falou sobre seu futuro no clube. Ele explicou que, mesmo há um mês no comando do time - desde a demissão de Muricy Ramalho -, ainda não teve um reconhecimento salarial.

"Não conversei em nenhum momento em relação a salário. As coisas acontecem naturalmente, pois não dá para colocar a carroça na frente dos bois. Se você acerta um salário para ser treinador, é um caminho sem volta. E temos que ver o que a diretoria pensa em relação ao futuro do Claudinei e fazer uma composição do melhor para a diretoria e para mim", afirmou o técnico interino.

Claudinei Oliveira também comentou sobre os reforços que estão chegando ao clube: os laterais Mena (Universidad de Chile) e Cicinho (Ponte Preta). "Fui consultado a respeito dos dois jogadores. São de bom nível", elogiou o treinador, que ainda comentou sobre a provável saída do goleiro Rafael, que está indo para o Napoli. "Temos bons goleiros para substituir o Rafael", avisou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantos FCClaudinei Oliveira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.