Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Clayson curte fama de talismã e prega humildade para o Corinthians em 2018

Atacante ganhou espaço na reta final e espera por mais dificuldades para a próxima temporada

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

26 de dezembro de 2017 | 17h55

Por mais otimista que pudesse ser, Clayson vive um ano muito acima do que ele poderia imaginar. De promessa na Ponte Preta, ele terminou o ano como uma espécie de talismã do Corinthians campeão brasileiro e cheio de confiança para o ano que vem. 

+ Carille exalta 1º ano como técnico do Corinthians: 'Muito aprendizado'

"Não passava pela minha cabeça ter um ano como esse. Fico feliz pelo trabalho e em 2018 entro forte para conquistar o meu espaço", disse o atacante, que terminou a temporada como titular, após entrar em diversos jogos e mudar o panorama da partida. 

Clayson acredita que a forma com que se dedicava nos treinos foi o motivo para convencer o técnico Fábio Carille a colocá-lo como titular na reta final do Brasileiro. "Futebol é momento e eu estava trabalhando forte. Tive a oportunidade e estive preparado para corresponder. Eu vinha me preparando desde que cheguei ao Corinthians e o professor sabe que pode contar comigo em qualquer posição do meio para frente".

O atacante viveu uma situação curiosa nesta temporada. Ele fez parte do elenco campeão brasileiro e chegou a atuar uma rodada pela Ponte Preta, que foi rebaixada na competição. 

Para 2018, Clayson espera por mais dificuldades e que os adversários olharão para o Corinthians de outra forma. "Pelos títulos que conquistamos, nada mais natural do que ter mais cobrança, mas a gente esta preparado. Temos que manter a humildade e fazer o mesmo que fizemos esse ano. Grupo fechado", assegurou. 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Corinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.