Reprodução/ SporTV
Reprodução/ SporTV

Clayson pode pegar até seis jogos por atirar água em torcedores

Julgamento do atacante do Corinthians no STJD será quinta-feira

O Estado de S.Paulo

28 Agosto 2018 | 18h05

O atacante Clayson foi denunciado no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) por provocar a torcida e atirar água em torcedores da Chapecoense na derrota por 1 a 0 do Corinthians, pela 18.ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Condá, em Chapecó. O julgamento será quinta-feira, a partir das 14h30, pelos Auditores da Quinta Comissão Disciplinar do STJD.

Clayson, após ser substituído aos 27 minutos do segundo tempo, jogou água em torcedores da Chapecoense que estavam na arquibancada, atrás do banco de reservas da equipe do Corinthians. Depois, arrependido, o jogador usou as redes sociais para pedir ajuda para encontrar uma torcedora atingida por ele.

"Gostaria de me desculpar pessoalmente sobre o ocorrido de ontem. Para isso, depois de assumir o erro publicamente, quero também falar com a moça que, acidentalmente, acabou envolvida e foi filmada", escreveu Clayson.

A Procuradoria denunciou Clayson por violar o artigo 258-A, por provocar o público durante partida. A pena prevista é de suspensão de uma a seis partidas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.