Clima no Flamengo melhora com reação

O clima na Gávea, nesta quinta-feira, era de alto astral pela reação do Flamengo no empate contra o Juventude, por 2 a 2, em Caxias do Sul. O clube carioca perdia por 2 a 0 até os 40 minutos do segundo tempo, porém não jogou a toalha e buscou o resultado. Para o técnico Joel Santana, mais do que um ponto, o time reconquistou o moral. ?Confiança é algo muito importante no futebol?, disse o treinador, admitindo em seguida que ainda está conhecendo o grupo. Joel Santana comandou, nesta quinta, um treino físico, já preparando a equipe para o jogo de segunda contra o Coritiba, no estádio Luso-Brasileiro. ?O Flamengo não pode deixar de somar pontos em casa se quiser sair da zona de rebaixamento?. Alvo de críticas da torcida pela falha no primeiro gol do Juventude, o goleiro Diego demonstrou calma e personalidade para reconhecer o erro e afirmar que vai dar a volta por cima. ?Estava desequilibrado e poderia ter dado um tapa na bola para escanteio, porém... Ainda sei que vou errar outras vezes, mas tenho que levantar a cabeça?.

Agencia Estado,

27 de outubro de 2005 | 19h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.