Clima quente entre jogadores corintianos após empate

Alessandro fica irritado com bola perdida por Morais no lance que gerou a sua expulsão da partida

Alex Sabino, Agencia Estado

27 de setembro de 2008 | 19h12

O empate de 2 a 2 entre Corinthians e São Caetano, neste sábado, no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas, terminou com o clima quente entre os jogadores corintianos. Após ser expulso, o lateral Alessandro deixou o campo furioso com o meia Morais, seu companheiro de time.Veja também: Corinthians empata e vê sua vantagem cair na Série B Dê seu palpite no Bolão Vip do LimãoNa visão de Alessandro, Morais não passou quando deveria e perdeu a bola no lance que resultou na segunda expulsão da equipe do Corinthians - antes, o zagueiro Chicão já tinha levado cartão vermelho. "Vou conversar com ele no vestiário", disse o lateral."Pode ser que não tenha passado a bola algumas vezes, mas são coisas normais do jogo", rebateu Morais, tentando evitar polêmica. "De cabeça quente as pessoas falam besteira. Cortei para tentar o chute. Se faço gol, sou craque. Se não faço, sou o culpado. Mas tudo bem, estou pronto para assumir essa responsabilidade."Uma das primeiras providências do técnico Mano Menezes foi avisar que a polêmica não vai seguir adiante. "Pode deixar comigo. Vou acalmar todos e vamos ter uma semana tranqüila", disse o comandante corintiano, ressaltando que Morais errou em alguns momentos da partida. "Ele tomou decisões erradas. Fez cruzamento quando tínhamos apenas um jogador na área e com um expulso. Talvez fosse melhor prender a bola. Mas acontece. O Alessandro já tomou decisões erradas, o Herrera também."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.