Clima tenso apimenta o clássico carioca

Flamengo e Vasco se enfrentam por um lugar na final da Taça Guanabara

Leonardo Maia, O Estado de S. Paulo

16 de fevereiro de 2008 | 16h50

Neste domingo tem mais um ‘clássico dos milhões’, no Maracanã, a partir das 16 horas. E um duelo entre Flamengo e Vasco não precisa de muitos ingredientes para deixar jogadores, técnicos e torcedores com os nervos à flor da pele. Em São Januário, durante a semana, treino secreto, fechado à imprensa. Na Gávea, clima tenso, com o técnico Joel Santana, tradicionalmente bem-humorado e brincalhão, se aborrecendo com fotógrafos e admitindo que estava angustiado.  Veja também: Botafogo vence e está na final da Taça Guanabara "Eu estou há 20 anos no futebol e sempre tem gente me criticando, usando coisas que não tem nada a ver", reclamou Joel. "Mas vão ter que me aturar até eu decidir a hora de parar." O técnico ficou chateado com um fotógrafo que o clicou com um copo de plástico na mão, que continha café.  A partida deste domingo, válida pela semifinal da Taça Guanabara, tem algumas subtramas. Edmundo jogará pela primeira vez desde seu retorno a São Januário, logo contra o arqui-rival, sobre o qual tem histórico de sucessos. Souza, atacante rubro-negro, que marcou o gol do título estadual vascaíno em 2003, contra o Fluminense, jamais fez ante o ex-clube.  "É legal poder reestrear contra o Flamengo, mas já não me deslumbro como antes", comentou Edmundo, minimizando o bom retrospecto contra o rival. "Já ganhei muitos jogos e perdi outros. Não há qualquer garantia que vá jogar bem. Mas prometo que vou dar tudo de mim."  FLAMENGOBruno; Leonardo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan; Jaílton, Jônatas, Kléberson (Toró) e Íbson; Diego Tardelli (Marcinho) e Souza. Técnico: Joel Santana. VASCOTiago; Wágner Diniz (Marcus Vinícius), Luizão, Jorge Luiz e Calisto; Jonílson, Beto, Leandro Bonfim e Morais; Edmundo e Alan Kardec.Técnico: Alfredo Sampaio.Árbitro: Gutemberg de Paula Fonseca.Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)Horário: 16 horasTV: Pay-per-view  Souza, por sua vez, espera manter o rótulo de artilheiro das decisões. "Fico feliz por sempre corresponder na hora decisiva. Espero fazer meu primeiro gol contra o Vasco e chegar à final."  Os dois times tiveram compromissos durante a semana. O Vasco derrotou o Itabaiana, de Sergipe, com um time reserva (1 a 0, pela Copa do Brasil). Os flamenguistas foram mais longe: viajaram ao Peru e saíram de lá com um empate sem gols contra o Coronel Bolognesi, pela Libertadores. No jogo, o meia Toró sofreu lesão muscular.  "Só vamos definir se o Toró joga ou não na hora. Se não tiver condições, entra o Kléberson", esclareceu Joel. Pelo lado vascaíno, a única dúvida é o lateral-direito Wagner Diniz, que se recupera de contusão. Caso não tenha condições, Marcus Vinícius assume o posto.

Tudo o que sabemos sobre:
FlamengoVascoCampeonato Carioca

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.