Clube dos 13 vai reeleger Fábio Koff

O Clube dos 13 se reúne nesta segunda-feira em Porto Alegre para reconduzir Fábio Koff à presidência da entidade. Oex-dirigente do Grêmio comanda desde 1995 a associação dos 20 maioresclubes do País e sua reeleição é tida como certa. Pelo menos até anoite de domingo não havia articulação de outra chapa. O início da novagestão, no entanto, não deve ser pacífico como a manutenção do cargopara Koff. Ele terá de lidar com a rebelião de sete dos 20participantes da associação, que anunciam a saída por não concordaremcom os critérios de divisão das cotas pagas pela televisão para atransmissão do campeonato brasileiro.Os descontentes são o Flamengo, Fluminense, Botafogo, São Paulo,Cruzeiro, Vitória e Atlético-PR, clubes que, ou por terem grandestorcidas ou por terem feito boas campanhas recentemente, entendem quedeveriam receber mais do que a fatia estabelecida na reunião dequarta-feira passada, em São Paulo, para o bolo de R$ 300 milhões queserá distribuído nos campeonatos de 2006 a 2008. Alguns dirigentestambém não aceitam a criação de uma faixa especial para o Santos, quepassou a ter mais audiência na televisão depois do título de 2002.Pela divisão estabelecida pela entidade, Corinthians, São Paulo,Flamengo, Palmeiras e Vasco da Gama, do primeiro grupo, vão receber R$21 milhões. O Santos, sozinho na faixa dois, terá direito a R$ 18milhões. O terceiro grupo reúne Fluminense, Botafogo, Cruzeiro,Atlético-MG, Internacional e Grêmio e paga R$ 15 milhões a cada clube.No quarto grupo estão Atlético-PR, Portuguesa, Guarani, Coritiba,Vitória, Sport, Bahia e Goiás, que terão direito a R$ 11 milhões cada.Apesar de licenciado da entidade até este domingo, Koff mandou umrecado aos rebeldes, considerando o anúncio da saída como apenas maisum blefe. ?Se há sete querendo sair, há mais 20 querendo entrar?,advertiu numa entrevista dada ainda na quarta-feira. ?Não acredito queeles vão sair?, reiterou neste domingo, ao final de suas férias.?Brigas sempre ocorrem quando há dinheiro envolvido, mas logo depoistodos se acertam.?O Clube dos 13 nasceu em 1987 como uma associação dos quatroprincipais clubes de São Paulo e do Rio de Janeiro, dos dois principaisde Minas Gerais e Rio Grande do Sul e do Bahia. Em 1997 entraram oCoritiba, o Goiás e o Sport Recife. Em 2000, com a inclusão doAtlético-PR, Vitória, Guarani e Portuguesa, a entidade passou a ter 20participantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.