Clube peruano vende rifa para pagar salários atrasados

O Cienciano anunciou nesta sexta-feira que organizará uma rifa para colocar em dia salários atrasados de jogadores. O clube peruano, campeão em 2003 da Copa Sul-Americana ao derrotar o River Plate na decisão, deve três meses de remuneração a seus atletas, que já ameaçaram pedir demissão.

AE, Agência Estado

16 de julho de 2010 | 19h25

O sorteio de dois carros será realizado em setembro. "Tomara que os torcedores do Cienciano apoiem este evento que tem como objetivo superar a grave crise econômica", afirmou o presidente Juvenal Silva à agência estatal Andina.

A equipe também enfrenta uma crise dentro de campo. A agremiação está na décima segunda posição em um torneio local, que conta com a presença de 16 times. O argentino Sergio Ibarra atua como treinador-jogador, já que o ex-técnico Edgar Ospina deixou o clube, devido ao fraco desempenho do clube de Cuzco.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPeruCienciano

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.