Clubes adiam a liga para 2002

O presidente do Cruzeiro, Zezé Perrella de Oliveira Costa, que vinha defendendo a formação de uma liga independente de clubes para a disputa de um campeonato paralelo ao Brasileiro, reuniu-se nesta segunda-feira com dirigentes de outras equipes, em Brasília, para tratar do assunto. Segundo a assessoria da equipe mineira, a decisão do encontro foi adiar a discussão sobre a liga para 2002.Perrella e representantes de Flamengo, Vitória, Sport, Fluminense, Santa Cruz, Atlético-MG, Grêmio, Internacional e da Hicks Muse, patrocinadora do Cruzeiro e do Corinthians, participaram do encontro. A alegação dos dirigentes é de que o tempo para a formação do grupo é "muito curto" e que o melhor, no momento, é aceitar disputar o Brasileiro, desde que a CBF coloque, no máximo, 25 times na competição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.