Clubes alemães boicotam a seleção

As equipes do Bayern de Munique, Bayer Leverkusen e Hertha Berlim anunciaram nesta quinta-feira que não pretendem liberar seus jogadores - Élber, Lúcio e Marcelinho Paraíba, respectivamente - para o amistoso da seleção brasileira contra o Panamá, dia 9, em Curitiba. Os três clubes já enviaram um comunicado à Fifa para manifestar a decisão e garantiram que irão ceder os atletas normalmente para a partida do Brasil pelas Eliminatórias da Copa de 2002, dia 15, contra o Paraguai.O técnico Luiz Felipe Scolari já sofreu com as imposições dos clubes alemães antes. Apesar de ter convocado Élber e Lúcio para a Copa América, ele não pôde contar com os dois porque tanto o Bayern de Munique quanto o Bayer Leverkusen não permitiram que eles disputassem o torneio, temendo a violência na Colômbia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.