Frank Augstein/AP
Frank Augstein/AP

Clubes da Inglaterra votam e mudam regras da janela de transferências no verão

Mercado inglês vai fechar 1.º de setembro, no mesmo dia das outras principais ligas da Europa

Redação, Estadão Conteúdo

06 de fevereiro de 2020 | 10h50

Representantes dos 20 clubes da Premier League, que organiza o Campeonato Inglês, decidiram por unanimidade nesta quinta-feira, após reunião em Londres, mudar a data de fechamento da principal janela de transferências na Inglaterra, no meio do ano. Desta forma, a data final para comprar e vender jogadores passa a ser 1.º de setembro, mesmo dia das outras principais ligas da Europa.

Nos últimos dois anos, a janela de transferências do verão europeu fechou no dia anterior ao início de uma nova temporada, ou seja, até meados de agosto as equipes do Campeonato Inglês só poderiam adquirir novos jogadores até esta data.

Na janela de verão da temporada atual, por exemplo, o prazo para os clubes do Campeonato Inglês contratarem novos jogadores foi até o dia 9 de agosto, cerca de três semanas antes de outras ligas relevantes na Europa.

A mudança em relação ao que vinha acontecendo - cronograma adotado em 2017 - era um pedido frequente, por exemplo, do alemão Jurgen Klopp. O técnico do Liverpool enxergava desvantagem pelo fato de ainda ter muitos dias para perder jogadores depois do encerramento da janela inglesa.

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato Inglês de Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.