Ricardo Moraes/ Reuters
Ricardo Moraes/ Reuters

Clubes da Série A aderem ao TikTok e diversificam conteúdo; veja os mais populares

Aplicativo usado para criar e compartilhar vídeos curtos tem mais de 3 milhões de usuários entre os torcedores dos clubes brasileiros

Raul Vitor, O Estado de S.Paulo

05 de agosto de 2020 | 10h00

Sob ameaça de ser banido dos Estados Unidos pelo presidente Donald Trump por supostamente ser utilizado pelo governo chinês para fins de espionagem, o  TikTok é sucesso no Brasil e os clubes de futebol estão cada vez mais presentes na plataforma. Apenas o Atlético-GO, dos 20 times da Série A do Brasileiro, ainda não possui perfil na rede social. Ao todo, a presença das equipes integrantes da elite do futebol nacional resulta em mais de 3 milhões de usuários no aplicativo de mídia inventado para criar e compartilhar vídeos curtos.

Dentre eles, Flamengo e Corinthians, dois dos clubes que mais possuem torcedores espalhados pelo Brasil, são também os com mais seguidores no TikTok. A equipe carioca está na liderança e foi a primeira a bater 1 milhão de usuários dentre os times brasileiros e sul-americanos. A temporada passada talvez tenha ajudado o Fla, que ganhou o Brasileiro e a Libertadores e ainda disputou com o Liverpool o Mundial de Clubes da Fifa.

Para Bernardo Monteiro, diretor de Comunicação do Flamengo, a incessante produção de conteúdo é a chave para o sucesso do clube de futebol. "O Flamengo virou um fenômeno nas redes sociais, não só no TikTok, mas em todas elas. Ano passado, por exemplo, passamos o Corinthians no Twitter. Em um ano e meio, ganhamos 5 milhões de seguidores no Instagram. Triplicamos nossa produção de conteúdo e essa é a chave para o Flamengo ter virado um fenômeno. Obviamente, tivemos um sucesso estrondoso que acompanhou as conquistas da equipe profissional, mas, mesmo na pandemia, com a paralisação do futebol, nosso crescimento seguiu firme", diz Bernardo ao Estadão.

O diretor de Comunicação rubro-negro explica que cada rede possui um programa específico de criação de conteúdo. "Não é uma coisa espelhada. O conteúdo em cada plataforma é diferenciado. Nossa busca aqui dentro é incessante e quase doentia por produção de conteúdo e essa, para mim, mais uma vez, é a chave do negócio", concluiu.

766E3C01-53A8-483E-9B06-CCE0C7108013
Triplicamos nossa produção de conteúdo e essa é a chave para o Flamengo ter virado um fenômeno
E0EAB005-9061-4B3D-86B9-AEB61693E313
Bernardo Monteiro, diretor de comunicação do Flamengo

Para Gustavo Hebertta, fundador e diretor de criação da Lmid, empresa de marketing esportivo, o Flamengo entendeu bem o propósito do TikTok e esse é o motivo de seu sucesso na ferramenta. "O Flamengo vem usando a ferramenta com muita propriedade. No 'novo normal', que demanda um processo emergencial de digitalização e de inteligência de dados pelos times brasileiros, essa é mais uma grande oportunidade de engajar e monetizar essa relação entre fãs e clubes", analisa o especialista.  

@flamengo

O @gabigol mandou avisar. ##Flamengo ##Gabigol ♬ som original - flamengo

O Corinthians tem pouco mais de 440 mil adeptos na plataforma. A proposta do clube paulista é divertir seus torcedores e seguir uma linha mais bem humorada. Por isso, o alvinegro tem trabalhado em duas frentes: produzindo material próprio e estimulando influenciadores internos (como atletas profissionais) a movimentarem suas redes. O Corinthians não usa o TikTok para assuntos pesados, crise ou comunicados institucionais. É uma plataforma para divertir os fãs.

Apesar de estar atualmente na sexta colocação nessa corrida, o Vasco foi o primeiro time brasileiro a criar uma conta na rede. Bruno Maia, que estava na vice-presidência de marketing do clube alvinegro, em 2019, explica a inserção pioneira da equipe carioca.

"Vimos o Tiktok se aproximando de clubes e entidades esportivas e fazendo algumas parcerias institucionais de lançamento em certos territórios, o que era algo novo. As principais redes sociais não tinham esse hábito de buscar os clubes reconhecendo a força deles para potencializar a plataforma. Com isso, começamos a conversar no início de abril, assim que eles se estabeleceram no Brasil e criamos o canal. Ainda demorou um pouco para começarmos a rodar, pelas dificuldades de ter braços para gerar conteúdo para mais uma rede social numa estrutura enxuta como a do Vasco, mas o pioneirismo veio dessa observação e pró-atividade", disse.

Segundo apurou o Estadão, o Atlético-GO deve também entrar no TikTok em breve. O clube aguarda o início do Brasileirão e o lançamento de seu novo uniforme para anunciar o perfil.

Confira o ranking dos clubes da “Série A” no TikTok

• Flamengo - 1,4 milhão de seguidores

• Corinthians – 442,9 mil

• São Paulo – 287,1 mil

• Palmeiras - 154,7 mil

• Sport – 141,5 mil

• Vasco – 103,7 mil

• Internacional – 87,5 mil

• Santos – 85,2 mil

• Athletico-PR – 84,4 mil

• Bahia – 80,8 mil

• Ceará – 77,1 mil

• Atlético-MG – 73,4 mil

• Grêmio – 52,8 mil

• Botafogo – 51,5 mil

• Fortaleza – 47,7 mil

• Goiás – 37,8 mil

• Fluminense – 30,7 mil

• Coritiba – 27,3 mil

• Bragantino – 7,3 mil

• Atlético-GO - 0

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.