Clubes, fãs e famosos lamentam a morte de Carlos Alberto Torres

Notícia causou comoção nas redes sociais

O Estado de S.Paulo

25 de outubro de 2016 | 13h20

Capitão da seleção na conquista do tricampeonato mundial, Carlos Alberto Torres morreu nesta terça-feira, no Rio de Janeiro, aos 72 anos, após sofrer enfarte. A notícia causou comoção nacional, o ex-lateral está entre os tópicos mais comentados e recebe homenagens de entidades, clubes, fãs e famosos nas redes sociais. Confira:

Tudo o que sabemos sobre:
Carlos Alberto TorresRio de Janeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.