AE e AP
AE e AP

Clubes paulistas buscam 'presentes' de Natal para as torcidas

Corinthians quer Adriano. São Paulo sonha com o meia Alex e Palmeiras investe em Ronaldinho Gaúcho

O Estado de S. Paulo,

18 de dezembro de 2010 | 18h05

SÃO PAULO - A semana do Natal começa neste domingo e os grandes clubes paulistas esperam, enfim, dar seus "presentes" aos torcedores. Todos os anos, além de travadas batalhas dentro de campo, Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo fazem questão de, antes do fim do ano, anunciar a chegada de grandes nomes para a temporada seguinte. Na última semana antes das festas, já com enorme atraso, os dirigentes querem anunciar seus pacotes natalinos.

No Corinthians, que definiu como grande nome para 2008 o uruguaio Acosta, um ano depois Ronaldo e, por fim, Roberto Carlos, agora vê em Adriano o presente aos corintianos. O Imperador chega ao País na terça-feira para passar as festas e é esperado que, no dia, anuncie o acerto com o Alvinegro - na verdade, falta apenas a liberação da Roma. "Vamos precisar de grandes atacantes e ele seria uma excelente contratação, pois em 2010 sofremos muito com as contusões e nosso ataque ficou carente", comentou Dentinho.

Depois de frustrar a torcida no Natal passado com o pacote que incluía Danilo, Tcheco e Iarley, os corintianos esperam dias melhores e não vão apostar em jogadores veteranos. Por enquanto, porém, o clube só acertou com o zagueiro Wallace, do Vitória.

O São Paulo anunciou, em 23 de dezembro de 2009, a chegada do pacotão formado por Léo Lima, André Luis, Xandão, Marcelinho Paraíba e Fernandinho. Nenhum se firmou e agora a meta é contratar menos, mas com mais qualidade. Um camisa 10 de peso é a prioridade e Alex, do Fenerbahce, surge como principal alvo. A diretoria anda animada com a possibilidade de trazê-lo. O lateral-esquerdo Juan é outro que interessa.

Ronaldinho Gaúcho vem passar o fim de ano no País. E pode trocar o rubro-negro milanês pelo verde palmeirense. O Santos contratou Elano e não esconde de ninguém que quer um elenco de estrelas na Libertadores. O meia Zé Roberto e o goleiro Diego Cavalieri negociam com o clube.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.