Clubes querem impedir que mesmos atletas joguem Euro e Olimpíada

Os principais clubes da Europa concordaram em assembleia geral nesta terça-feira que são contrários que os mesmos jogadores disputem tanto a Eurocopa de Polônia e Ucrânia como a Olimpíada de Londres, ambas no meio de 2012.

MIKE COLLETT, REUTERS

08 de fevereiro de 2011 | 18h37

Umberto Gandini, vice-presidente da Associação dos Clubes Europeus (ECA, na sigla em inglês), disse que a Uefa deve pressionar as federações nacionais e os técnicos de seleções para que não chamem os mesmos jogadores para as duas competições.

"Não achamos apropriado que os jogadores europeus joguem a Eurocopa e que alguns deles também estejam envolvidos na Olimpíada de Londres poucas semanas depois", disse Gandini a jornalistas após a assembleia na Suíça.

"Não faz sentido para o jogador de um clube estar envolvido em duas competições tão importantes num curto período de tempo. Recorremos à Uefa para dizer que se um jogador for convocado para a Euro 2012, ele não deve ser levado para a Olimpíada."

"Como a Olimpíada não está no calendário internacional, vamos ter a mesma situação de 2008, quando os clubes receberam solicitações para liberar os jogadores enquanto estão com outras atividades em andamento", acrescentou.

"Espero que a gente possa discutir isso sem entrar nos mesmos conflitos que entramos em 2008."

Quatro seleções europeias vão disputar o torneio olímpico, que é realizado com jogadores de até 23 anos, com até três exceções para cada uma das 16 equipes participantes.

Tudo o que sabemos sobre:
FUTCLUBESEUROOLIMP*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.