Collina deixa a arbitragem no dia 18

Considerado o melhor árbitro do mundo nos últimos anos, o italiano Pierluigi Collina está bem próximo de sua aposentadoria. Seu último jogo será no dia 18 de junho, na repescagem do Campeonato Italiano entre Bologna e Parma - duelo para decidir quem permanece na primeira divisão.Depois de 28 anos trabalhando como árbitro, Collina deixa a profissão por ter atingido a idade máxima permitida pela Fifa: 45 anos. A partir de agora, ele irá assumir a função de selecionar a arbitragem dos jogos do Campeonato Italiano.Eleito cinco vezes como árbitro do ano pela Fifa, Collina apitou diversas finais de campeonato e inúmeros jogos decisivos. Mas o ponto alto de sua carreira foi a decisão da Copa do Mundo de 2002, na Coréia/Japão, quando trabalhou na vitória do Brasil sobre a Alemanha, por 2 a 0.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.