Washington Alves|Divulgação
Washington Alves|Divulgação

Com 1º lugar garantido, Fábio rasga elogios ao trabalho de Deivid

Goleiro e capitão do Cruzeiro aprova o novo treinador

Estadão Conteúdo

05 de abril de 2016 | 19h32

Aos 36 anos, o ex-atacante Deivid gerou desconfianças quando foi anunciado como técnico do Cruzeiro para 2016. Perto do fim da primeira fase do Campeonato Mineiro, ele vem surpreendendo na nova função. Em 10 jogos no Campeonato Mineiro, o Cruzeiro ganhou oito e empatou dois. A equipe não só já está classificada para as semifinais, como garantiu a melhor campanha da fase.

Não à toa, o trabalho dele vem sendo bastante elogiado. Nesta terça-feira foi a vez de o goleiro Fábio, líder e capitão do time, rasgar elogios ao comandante, que é só um ano mais velho que ele.

"A gente tem o costume de analisar as pessoas sem que eles tenham mostrado seu potencial, principalmente no futebol. O Deivid veio com desconfiança por ser jovem, com a grande responsabilidade de ser treinador do Cruzeiro. Mas com muito trabalho, respeitando a todos, implantou a sua maneira de trabalhar, taticamente colocando a equipe da forma que ele acha ideal, sempre coerente com os jogadores, transparente com as escolhas. Isso ajudou para que o grupo acreditasse no trabalho dele, comprasse a ideia que ele vem passando no dia a dia para nós", disse o goleiro.

Contando também a Copa Sul-Minas-Rio, são 14 partidas, com 10 vitórias e só uma derrota. Entre os triunfos está o obtido no clássico contra o Atlético-MG. Revés, só diante do Fluminense, num eletrizante 4 a 3 em 17 de fevereiro.

"O trabalho do Deivid, no começo, exercia mais responsabilidade e pressão para que as coisas acontecessem. Agora ele está mais tranquilo, com três meses de trabalho. As coisas se tornam mais natural, tanto a palestra, quanto as conversas e os treinamentos", completou Fábio.

Tudo o que sabemos sobre:
DeividCruzeiroFábioFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.