Alvaro Barrientos/ AP
Alvaro Barrientos/ AP

Com 2 de Benzema, Real Madrid bate Bilbao e lidera o Espanhol

Cristiano Ronaldo ainda persegue gol 500 e recorde merengue

Estadão Conteúdo

23 de setembro de 2015 | 18h09

O Real Madrid aproveitou o vacilo do Barcelona nesta quarta-feira para assumir a liderança do Campeonato Espanhol. Depois que o rival levou 4 a 1 do Celta, o Real fez sua parte ao vencer o Athletic Bilbao por 2 a 1, fora de casa. Benzema foi o grande destaque da partida ao marcar os gols dos visitantes, ofuscando Cristiano Ronaldo, que sonhava em marcar seu 500º gol.

O triunfo levou o Real Madrid aos 13 pontos, assumindo a primeira colocação da tabela. Mas apenas nos critérios de desempate porque o modesto Celta também tem 13 ao derrubar o time catalão nesta quarta. O Atlético de Madrid ocupa o terceiro posto, com os mesmos 12 do Barcelona, agora em quarto.

Para chegar à quarta vitória em cinco jogos no Espanhol, o Real contou com uma ajuda da zaga do Bilbao. San José se atrapalhou ao recuar a bola para o goleiro e Benzema se antecipou para empurrar para as redes, aos 19. Foi um dos raros momentos de destaque do Real no primeiro tempo.

Depois do intervalo, o Athletic cresceu em campo. Equilibrou as ações e passou a criar boas oportunidades. Após seguidas tentativas, chegou ao empate aos 22. Susaeta cruzou da direita e Sabin Merino escorou para as redes, superando o goleiro Keylor Navas.

O gol acabou com a sequência recorde do goleiro. Navas, que quase foi negociado com o Manchester United há poucas semanas, estava há cinco partidas sem ser vazado - quatro jogos do Espanhol e um na Liga dos Campeões. Com a série, bateu o recorde que pertencia a Miguel Ángel, que passou quatro partidas incólume na temporada 1975/76.

O gol dos anfitriões, contudo, não custou a vitória ao Real. Mas não por causa de Cristiano Ronaldo, apagado durante quase todo o jogo. Aos 27, Isco cruzou da direita e Benzema apareceu antes do atacante português na pequena área para completar para o gol, roubando o que seria o 500º gol de Cristiano Ronaldo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.